quarta-feira, 11 de março de 2009

Momento eu-lírico...

Minhas sardas exaltadas me lembram seus olhos
E que lindos olhos você tem!
Olhos verdes, olhos misteriosos
Olhos que me fazem lembrar alguém
Impossível é esquecer dos momentos
Que juntos passamos outrora
O negativo das fotos eterniza
risadas, aventuras e noites na esbórnia.
A fotografia eterniza
teu olhar ao encontro do meu
Preto e branco, numa realidade nua e crua
Sentimentos são expostos pela eternidade
Sujeitos à poeira, à maresia, às traças e ao tempo
E a falta de cor vai ganhando um tom amarelado
Tom de ouro
, tom de areia, tom de esquecimento
E mesmo que as bocas e os corações já não se lembrem dos momentos vividos
Fotografias nos recordarão
hei de me vir no espelho daqui a um futuro distante
E observar minhas sardas
Que quando sobressaltadas, exaltarão
A saudade que terei de você.

Roberta Mattoso

2 comentários:

musicasambaechoro disse...

Lindo o texto amiga. Parabéns!!!!

Feibi - Rio Lindo de Janeiro! disse...

Beta,

se meu texto te interessou, sua poesia, por sua vez, me trouxe um calorzinho no coração.... Vc devia escrever mais, viu? Incrementa mesmo seu blog, suas "escrevinhações" são encantadoras!
Beijos da vizinha!